O Contador – Conheça o software 8 bits mais caro da Atari

Espaço para discussão sobre jogos de outras empresas e Arcades.

Moderador: Moderadores

Avatar do usuário
Sonymaster
Mensagens: 1000
Registrado em: Seg Out 30, 2017 11:52 pm
Localização: Pernambuco

O Contador – Conheça o software 8 bits mais caro da Atari

Mensagem por Sonymaster » Qua Mar 06, 2019 11:07 pm

Não é de hoje que a intenção de muitas fabricantes de consoles é justamente unificar um local no qual você possa se divertir, mas, ao mesmo tempo, trabalhar.

Imagem


Lá no início da era dos consoles, quando tudo ainda engatinhava, existia um exótico software para o bom e velho Atari 800: um contador que utilizava o seu videogame como um sistema de trabalho. Vale lembrar que apesar de ser um computador, o Atari 800 era uma espécie de ‘videogame de luxo’ nos anos 80.

Imagem
Imagem
Imagem
Imagem
Imagem


Atualmente, muitos ainda afirmam “sentir falta dos tempos mais simples, nos quais um console era apenas um console”. Sim, é verdade. Existiu um tempo, não tão distante assim, no qual um videogame não era muito mais do que uma central computadorizada de entretenimento caseiro; contudo, isso era realidade, em boa parte dos casos, por falta de poder computacional e/ou infraestrutura presentes na ocasião.

Imagem
Imagem
Imagem

O “Contador do Atari”, custando absurdos 1,500 dólares (ainda mais absurdos se levarmos em conta as diferenças econômicas, como a inflação da época), possibilitava, por meio do Drive de Disco, “Atari 815” (custando mais 1,500 dólares), um módulo de interface, intitulado como “Atari 850”, e uma impressora chamada de “Atari 815”, a unificação da sua central de entretenimento para algo mais profissional e dedicado aos importantes afazeres da contabilidade – mas não tão divertidos assim (convenhamos).

A “brincadeira” custaria, no total, “módicos” 4,870 dólares – algo em torno de 20 mil dólares com os reajustes econômicos da atualidade.

Imagem

Dada a raridade e o preço monstruoso dos equipamentos, muitos compradores nem sabiam da existência de tais luxos. Os que sabiam, pois leram alguns anúncios no início da década de 80, achavam que a empresa tinha desistido do lançamento.

Imagem
Imagem


Porém, atualmente, os softwares são oferecidos gratuitamente para os curiosos das tecnologias retrô. Só foi possível recuperar alguns exemplares de um aparelho tão raro e pouco acessível em sua época, pois profissionais dedicados acharam algumas documentações (prontamente escaneadas) e algumas peças em um antigo prédio da Atari.

Download do Programa -> The Atari Accountant (44MB)

Mais informações sobre os peculiares apetrechos podem ser encontradas neste link. Acesse este link, também, caso ainda estejam curiosos e ávidos por mais detalhes.

Fonte: Blog Tectoy
Sega x Big N Jogador de Videogame das décadas de 1980 e 1990

DrasgonDigger
Mensagens: 1786
Registrado em: Sex Jul 10, 2009 3:13 pm
Localização: São Paulo
Contato:

Re: O Contador – Conheça o software 8 bits mais caro da Atari

Mensagem por DrasgonDigger » Sáb Mar 09, 2019 5:30 pm

Caraca, show, nunca tinha visto.
Imagem

Avatar do usuário
Sonymaster
Mensagens: 1000
Registrado em: Seg Out 30, 2017 11:52 pm
Localização: Pernambuco

Re: O Contador – Conheça o software 8 bits mais caro da Atari

Mensagem por Sonymaster » Sáb Mar 09, 2019 10:18 pm

DrasgonDigger escreveu:
Sáb Mar 09, 2019 5:30 pm
Caraca, show, nunca tinha visto.
Adoro quando tem noticia de programas antigos dos anos 80 e 90, caso curte, tente assistir o "Computer Chronicles" é muito legal.
Sega x Big N Jogador de Videogame das décadas de 1980 e 1990

Avatar do usuário
Odin
Mensagens: 6193
Registrado em: Ter Mai 04, 2010 2:52 pm
Localização: Palácio Valhalla - Asgard
Contato:

Re: O Contador – Conheça o software 8 bits mais caro da Atari

Mensagem por Odin » Sáb Mar 09, 2019 11:42 pm

Putz, talvez esses kits fossem mais mais caros que os equipamentos TOP da Apple ou IBM de época, por isso acabaram não dando certo... :D

Acho que existem poucas unidades desses itens hoje em dia, tomara que tenham sido recuperados alguns e expostos em alguns museus, seria uma pena eles caírem no esquecimento, talvez muita coisa da Atari deva estar perdida hoje em dia.
Imagem

Imagem

Imagem

Responder